quarta-feira, 3 de agosto de 2016

Ministério de Intercessão - agosto/2016 - Diocese de Jacarezinho

A intercessão nos impulsiona para uma parceria sagrada com Jesus


Muitas vezes focamos o Ministério de Jesus, de ensino, cura e libertação durante a sua vida pública. No entanto, o ministério eterno de Jesus é a intercessão, conforme a Carta aos Hebreus nos diz: “Agora, porém, Cristo recebeu um ministério superior. Ele o mediador de uma aliança bem melhor, baseada em promessas melhores” (Hb. 8,6). Como Deus-homem, Jesus fica entre Deus e o homem, participando das naturezas de ambos e, por esse fato, sendo mais apto a atuar como mediador entre Deus e o homem.
Ele é o mediador no sentido absoluto da palavra, de uma forma que ninguém mais pode ser. “Porque há um só Deus e há um só mediador entre Deus e os homens: Jesus Cristo, homem que se entregou como resgate por todos...” (1Tm. 2,5-6). O objetivo principal de sua mediação é a salvação de cada pessoa humana no sentido de restaurar a amizade entre Deus e o homem.
A expiação pelos pecados realizou-se na Cruz. A paixão de Cristo, culminando em sua morte na Cruz, é o maior ato de intercessão oferecido por Jesus. Depois de ter morrido e ressuscitado dos mortos, o Ministério de Intercessão de Jesus continua à direita de Deus, para onde Ele ascendeu: “Quem os condenará? Cristo Jesus, que morreu, ou melhor, que ressuscitou, que está à mão direita de Deus, é quem intercede por nós!” (Rm. 8,34).
Jesus viveu em Nazaré por trinta anos, após o que Ele se empenhou em seu Ministério público por três anos. Agora Ele intercede à direita do Pai para que todos possam ser salvos. “É por isso que lhe é possível levar a termo a salvação daqueles que por ele vão a Deus, porque vive sempre para interceder em seu favor.” (cf. Hb 7,25).
A obra que permanece inacabada é a intercessão, porque milhões ainda estão para ser salvos. Na verdade, saber que Jesus continua seu Ministério de Intercessão à direita de Deus é bastante edificante e encorajador para nós. Isso implica que Jesus tem se empenhado no Ministério de Intercessão por mais de dois mil anos. Também fica claro que a intercessão é a mais alta prioridade na mente de Jesus. E continuará até que Ele volte em glória para julgar os vivos e os mortos. Isso não deixa dúvidas sobre a importância inestimável da intercessão para a salvação das almas.
A intercessão nos impulsiona para uma parceria sagrada com Jesus Cristo, o filho de Deus entronizado. A Escritura chama todos os cristãos de cooperadores de Deus (cf. 1Cor. 3,9; 2Cor. 6,1). “Vós, porém, sois uma raça escolhida, um sacerdócio régio, uma nação santa, um povo adquirido para Deus...” (1Pe. 2,9). Jesus quer que nós, os escolhidos, sejamos seus parceiros no Ministério de Intercessão.
Na intercessão, entramos no círculo onde partilhamos o mesmo fardo com Jesus e somos capazes de ouvir o clamor das pessoas que ainda estão para serem salvas. Jesus entregou sua vida em favor de cada pessoa que já viveu nesse mundo. E agora, como nosso Sumo Sacerdote ou Intercessor, Ele vive sempre para levar pessoas a aceitarem sua proposta de salvação conquistada por sua Paixão, Morte e Ressurreição.
Ó maravilhosa intercessão de nosso bendito Senhor Jesus, não só porque garantiu nossa aceitação e perdão pelo Pai, mas também porque nela nos tornamos parceiros e cooperadores atuantes. Agora, entendemos melhor o que é interceder e por que tal ação possui tanto poder. Deus Filho é o nosso intercessor entronizado e Deus Espírito Santo é o intercessor que mora em nós, unindo-nos a Deus Pai em nossa intercessão. Jesus nos chama para sermos seus cooperadores ou parceiros na intercessão, algo que devemos considerar uma grande honra.
Que nossa intercessão se torne nossa vida de comunhão com Deus. Descobriremos, assim, que não só se cumprirão as promessas do poder de Deus no nosso Ministério, mas, muito mais importante, ao permanecermos em Cristo e ele em nós, seremos participantes da própria alegria dele de abençoar e salvar vidas.
Deixemo-nos ser parceiros com Jesus, o intercessor por excelência!
Deus te abençoe!
Núcleo Nacional do Ministério de Intercessão

INTENÇÕES PARA ESTE MÊS
1.    Para que cesse a violência no Brasil e no mundo, especialmente durante os Jogos Olímpicos que acontecerão na cidade do Rio de Janeiro nos dias 5 a 21 de agosto de 2016.
2.    Pelo Encontro Nacional dos Coordenadores Estaduais do Ministério de Intercessão nos dias 09 a 11/09/2016 em Curitiba.
3.    Pela erradicação dos vírus causadores da Dengue, Zika e Chikungunya .
4.    Pela situação política, econômica e moral em nosso País.
5.    Pela Reunião de Oração do Grupo de Oração (pelo pregador, dirigente, músicos e demais servos e pelas pessoas que participam da Reunião de Oração).
6.    Pelos Grupos de Oração na Diocese, no Estado e no Brasil.
7.    Pelos Ministérios da RCC no Grupo de Oração, na Diocese, no Estado e no Brasil.
8.    Pelas necessidades espirituais e financeiras dos escritórios diocesano, estadual e nacional da RCC.
9.    Pelos projetos da RCC na Diocese, no Estado, no Brasil na América Latina e no Mundo.
10.  Pelos eventos de evangelização da RCC no Grupo de Oração, na Diocese, no Estado e no Brasil.
11.  Pela Reunião dos Conselhos Diocesano, Estadual e Nacional neste ano.
12.  Pela missão de GilbertoGomes Barbosa a frente da presidência internacional da Fraternidade Católica - FRATER. (A FRATER é o órgão de serviço criado com a missão de atender as Novas Comunidades Carismáticas Católicas de Vida e Aliança. Fundada pelo Pontifício Conselho para os Leigos em 1990, seu objetivo principal é promover a comunhão, partilha e ajuda mútua entre seus membros).
13.  Pelas coordenações do Grupo de Oração, da RCC na Diocese, no Estado e no Brasil (Coordenadora Nacional: Katia Roldi Zavaris e sua família).
14.  Pela Santa Igreja, pelo Santo Padre, o Papa Francisco, pelo Bispo diocesano, pelos Sacerdotes, Diáconos, Religiosos e Religiosas e pelos Seminaristas.
15.  Pelas casas de missão da RCCBRASIL e pelos missionários e missionárias.
16.  Pela construção da Sede Nacional da RCC do Brasil e pelos seus colaboradores.
17.  Para que todos os membros da RCC do Brasil busquem a unidade e se abram para a moção da Reconstrução.

INTENÇÕES DA DIOCESE


2.      Missão decanato de Jacarezinho – 6 e 7/agosto


3.      Congresso Diocesano Ministério de Pregação -  20 e 21/agosto

4.      Assembléia Eletiva Diocesana – 21/agosto

5.      Encontro diocesano Ministério da Crianças – 28/agosto

6.      6º Encontro MFP para indicados – 4/setembro

7.      XXV Cenáculo Diocesano – 10 e 11/setembro

8.   Congresso Estadual de Intercessão e Ministério das Crianças - 27 e 28/agosto

segunda-feira, 21 de janeiro de 2013

Formação para Líderes e Comunicação Social da RCC, em Pinhalão


86 servos da RCC da Diocese de Jacarezinho - Pr participaram da Formação para líderes e Comunicação Social neste final de semana (19/20/janeiro) na cidade de Pinhalão-Pr. Um Alto Nível de comprometimento de todos, e maturidade no Espírito cada dia maior. Os temas abordados neste encontro de formação foram:  a Acolhida, WebTV, Fotografia, Como redigir um bom texto, Redes Sociais, Arte, Simbologia e Divulgação, O que é Comunicação, e a Moção Nacional para o Movimento em 2013. Quero Agradecer de todo o coração a todos que trabalharam e se fizeram presentes, que Deus lhes abençoe muito hoje e sempre. O Ano não podia começar melhor para nós!

Diego Garcia - coordenador diocesano da RCC-Diocese de Jacarezinho-Pr
 


domingo, 20 de janeiro de 2013

Entrevista - Nova Presidente do Conselho Nacional da RCC toma posse a 24 de janeiro

Eleita como nova presidente do Conselho Nacional da Renovação Carismática Católica do Brasil em setembro de 2012, Kátia Roldi Zavaris inicia, nessa semana, sua nova missão dentro do Movimento.

A posse oficial da nova presidência acontecerá no dia 24 de janeiro, durante a programação do Encontro Nacional de Formação 2013, em Canas/SP. Na ocasião, serão apresentados os demais membros da nova equipe como coordenadores nacionais de Ministérios e Comissões. Antes de serem oficialmente apresentados, tais nomes passam por homologação do Conselho Nacional que acontecerá em uma assembleia que antecede o ENF.

Confira abaixo, a entrevista na qual Kátia fala sobre a sua trajetória na RCC e partilha as motivações para o trabalho que desenvolverá à frente da RCC no período 2013/2016.

Portal RCCBRASIL: Como iniciou e se desenvolveu a sua caminhada na Renovação Carismática Católica?
Participo da Renovação Carismática Católica desde 1987. À convite de uma amiga, eu conheci o Grupo de Oração Rainha dos Apóstolos na Catedral de Vitória, capital do estado do Espírito Santo. Foi nesse Grupo que tive uma experiência pessoal com Jesus Cristo, me encantei por Ele e me encontrei como pessoa. Sou católica, nascida em uma família católica participante e praticante, mas foi com essa experiência que eu vivi no Grupo de Oração que minha caminhada começou. Com um ano de participação no Grupo de Oração eu já era serva. Meio ano depois, já fazia parte do núcleo do GO e, um ano depois, tornei-me coordenadora. Fui membro do Conselho da RCC da Arquidiocese de Vitória, depois coordenei o estado do Espírito Santo por sete anos e, por isso, participei então por sete anos do Conselho Nacional. Depois de dois anos, retornei ao Conselho, convidada pelo Marcos Volcan, como primeira secretária. Em junho de 2012 eu fui eleita coordenadora da RCC da Arquidiocese de Vitória e em 29 de setembro do mesmo ano, presidente do Conselho Nacional da Renovação Carismática Católica do Brasil.

Portal RCCBRASIL: Fale um pouco sobre a sua vida profissional e pessoal. 
Sou formada em Letras - inglês pela Universidade Federal do Espírito Santo e atualmente tenho duas escolas de idiomas, uma em Vitória e outra em Vila Velha. Eu dou aula na escola todos os dias, e isso me realiza muito. E é bonito perceber que Deus usa a nossa vida como um todo, não tem como separar a vida profissional da espiritual, a nossa vida é uma única coisa, totalmente entregue a Ele. Comecei a fazer traduções em eventos católicos há doze anos, traduzo alguns pregadores aqui no Brasil e fora do país também. E para mim é uma alegria, faz parte da minha alma trabalhar com educação e mais especificamente com idiomas.

Sobre a vida familiar, sou casada com o Sérgio Carlos Zavaris, que também participa ativamente da RCC há bastante tempo, tendo sido coordenador nacional do Ministério de Fé e Política nos últimos anos. Nós não temos filhos, porque não podemos tê-los, mas o Senhor foi fazendo uma obra na nossa vida através de vários sinais, hoje nós temos muitos filhos espirituais.

Portal RCCBRASIL: Como é ser eleita Presidente do Conselho Nacional da RCCBRASIL?
Eu me sinto muito honrada com esse chamado para coordenar a RCC do Brasil e em ser a primeira mulher a estar à frente do Movimento na história do Brasil. Sinto que foi uma escolha de Deus junto com Maria. Como disse Dom Alberto Taveira ao final da eleição lá em Aparecida/SP, creio que será um tempo de ternura e fortaleza mariana. Eu acredito que, com a intercessão de Maria, nós vamos conseguir ser obedientes àquilo que Ele quer para a RCC nesse tempo. A RCC tem caminhado através de uma visão profética para uma evangelização cada vez mais eficaz. O que eu sinto é que será um tempo de escuta profunda e de realizações ousadas, como tem sido até hoje, com o foco sempre na evangelização para que mais almas sejam alcançadas, para que mais pessoas possam ouvir falar do nome de Jesus Cristo e assumi-lo como Senhor.

Portal RCCBRASIL: Deixe uma mensagem aos membros do Movimento
Eu queria dizer para todos nós que participamos da RCC do Brasil, para todos os Grupos de Oração que existem nesse país, que nós nascemos para evangelizar com renovado ardor missionário, a partir da experiência do Batismo no Espírito Santo.  Por isso, em nossa ação missionária e dentro dos nossos Grupos de Oração deve ser um tempo de profunda doação. Não podemos ter medo de dizer: “Senhor, eis-me aqui! A minha vida é Tua, faça dela tudo o que o Senhor quiser. A Renovação é Tua, ela pertence a Ti, ela surgiu a partir de um sopro do Espírito Santo para evangelizar, para levar o Teu Nome aos quatro cantos da terra. Usa, Senhor, a Renovação Carismática Católica da forma que o Senhor quiser, ela Ti pertence, ela é Tua”.

Nesse ano de 2013, dentro da temática do Ano da Fé vivenciado por toda a Igreja, nós vamos viver, na RCC do Brasil, o tema “Esta é a vitória que vence o mundo, a nossa fé” (I Jo5, 4b).  Que nós possamos através dos Grupos de Oração, das formações e de todas as nossas atividades fortalecer nossa fé em Jesus que é o único Senhor, o único Salvador, o Verdadeiro Deus. Que Deus abençoe a todos!

domingo, 13 de janeiro de 2013

Seminário da Fé

Quinta-feira 10/Janeiro/2013 - Tema: Fé Católica e a Santíssima Trindade - Pregador: Pe. Roberto Claudiano - Ministério: Vinde e Vede

segunda-feira, 6 de setembro de 2010

Amizade Verdadeira

Na Guerra do Vietnã  no campo de batalha, toda uma companhia foi bombardeada por morteiros vietcongs, e morreram vários homens... Os homens que conseguiram bater em retirada se salvaram, mas chegando em um lugar seguro, longe dos fogos inimigos, um soldado procurou seu amigo (um outro soldado) e não achou... Pediu permissão para o Tenente para ir buscar o amigo que ainda se encontrava na área de fogos... o Tenente disse: Você está louco ? O seu amigo com certeza já está morto... não há nenhuma chance dele estar vivo... Se você for, morrerá também... Não autorizo !!!
O soldado, desobedecendo a ordem do Tenente, foi tentar resgatar o seu amigo, retornando na área que continuava a ser bombardeada...
Após um tempo, esse soldado volta ferido mortalmente no abdomem e carregando seu amigo morto nos ombros...
O Tenente vendo a cena falou: Esta vendo... eu disse que ele estava morto... agora perdi mais um homem, pois você também não vai sobreviver... Valeu a pena soldado ?
O soldado, deitando seu amigo no chão, olhou para o tenente e disse: Valeu sim tenente, pois quando eu o encontrei ele ainda estava vivo e pode me dizer " Eu sabia que você viria me buscar" !!!


 A Biblia nos ensina no Livro do  Eclesiástico cap 6, 14-17:       Um amigo fiel é uma poderosa proteção: quem o achou, descobriu um tesouro. Nada é comparável a um amigo fiel; o ouro e a prata não merece ser postos em paralelo com a sinceridade de sua fé. Um amigo fiel é um remédio de vida e imortalidade; quem teme ao Senhor achará esse amigo. Quem teme ao Senhor terá também uma excelente amizade, pois seu amigo lhe será semelhante.”

quinta-feira, 19 de agosto de 2010

................Diálogo com Deus.................

VOCÊ: Pai nosso que estais no céu…
DEUS: Sim? Estou aqui…
VOCÊ: Por favor, não me interrompa, estou rezando!
DEUS: Mas você me chamou!
VOCÊ: Chamei? Eu não chamei ninguém. Estou rezando…. Pai nosso que estais no céu…
DEUS: Ai, você fez de novo.
VOCÊ: Fiz o que?
DEUS: Me chamou! Você disse: Pai nosso que estais no céu. Estou aqui. Como é que posso ajudá-lo?
VOCÊ: Mas eu não quis dizer isso. É que estou rezando. Rezo o Pai Nosso todos os dias, me sinto bem rezando assim. É como se fosse um dever. E não me sinto bem até cumprí-lo…
DEUS: Mas como podes dizer Pai Nosso, sem lembrar que todos são seus irmãos, como podes dizer que estais no céu, se você não sabe que o céu é a paz, que o céu é amor a todos?
VOCÊ: É, realmente ainda não havia pensado nisso.
DEUS: Mas prossiga sua oração.
VOCÊ: Santificado seja o Vosso nome…
DEUS: Espera ai! O que você quer dizer com isso?
VOCÊ: Quero dizer… quer dizer, é… sei lá o que significa. Como é que vou saber? Faz parte da oração, só isso!
DEUS: Santificado significa digno de respeito, Santo, Sagrado.
VOCÊ: Agora entendi. Mas nunca havia pensado no sentido dessa palavra SANTIFICADO. 'Venha a nós o vosso reino, seja feita a vossa vontade, assim na terra como no céu…'
DEUS: Esta falando sério?
VOCÊ: Claro! Por que não?
DEUS: E o que você faz para que isso aconteça?
VOCÊ: O que faço? Nada! É que faz parte da oração, além disso seria bom que o Senhor tivesse um controle de tudo o que acontecesse no céu e na terra também.
DEUS: Tenho controle sobre você?
VOCÊ: Bem, eu freqüento a igreja!
DEUS: Não foi isso que Eu perguntei! Que tal o jeito que você trata os seus irmãos, a maneira com que você gasta o seu dinheiro, o muito tempo que você dá a televisão, as propagandas que você corre atrás e o pouco tempo que você dedica a Mim?
VOCÊ: Por favor. Pare de criticar!
DEUS: Desculpe. Pensei que você estava pedindo para que fosse feita a minha vontade. Se isso for acontecer tem que ser com aqueles que rezam, mas que aceitam a minha vontade, o frio, o sol, a chuva, a natureza, a comunidade.
VOCÊ: Está certo, tens razão. Acho que nunca aceito a sua vontade, pois reclamo de tudo: se manda chuva, peço sol, se manda o sol reclamo do calor, se manda frio, continuo reclamando, se estou doente, peço saúde, mas não cuido dela, deixo de me alimentar ou como muito…
DEUS: Ótimo reconhecer tudo isso. Vamos trabalhar juntos Eu e Você, mas olha, vamos ter vitórias e derrotas. Eu estou gostando dessa nova atitude sua.
VOCÊ: Olha Senhor, preciso terminar agora. Esta oração está demorando muito mais do que costuma ser. Vou continuar: … 'o pão nosso de cada dia nos dai hoje…'
DEUS: Pare ai! Você está me pedindo pão material? Não só de pão vive o homem, mas também da minha palavra. Quando me pedires o pão, lembre-se daqueles que nem conhecem pão. Pode pedir-me o que quiser, desde que me veja como um Pai amoroso! Eu estou interessado na próxima parte de sua oração. Continue!
VOCÊ: 'Perdoai as nossas ofensas, assim como nós perdoamos a quem nos tem ofendido…'
DEUS: E o seu irmão desprezado?
VOCÊ: Está vendo? Olhe Senhor, ele já criticou várias vezes e não era verdade o que dizia. Agora não consigo perdoar. Preciso me vingar.
DEUS: Mas, e a sua oração? O que quer dizer sua oração? Você me chamou, e eu estou aqui, quero que saias daqui transfigurado, estou gostando de você ser honesto. Mas não é bom carregar o peso da ira dentro de você, não acha?
VOCÊ: Acho que iria me sentir melhor se me vingasse!
DEUS: Não vai não! Vai se sentir pior. A vingança não é tão doce quanto parece. Pense na tristeza que me causaria, pense na sua tristeza agora. Eu posso mudar tudo para você. Basta você querer.
VOCÊ: Pode? Mas como?
DEUS: Perdoe seu irmão, Eu perdoarei você e te aliviarei.
VOCÊ: Mas Senhor, eu não posso perdoá-lo.
DEUS: Então não me peças perdão também!
VOCÊ: Mais uma vez está certo! Mais só quero vingar-me, quero a paz com o Senhor. Está bem, está bem, eu perdôo a todos, mas ajude-me Senhor. Mostre-me o caminho certo para mim e meus inimigos.
DEUS: Isto que você pede é maravilhoso, estou muito feliz com você. E você, como está se sentindo?
VOCÊ: Bem, muito bem mesmo! Para falar a verdade, nunca havia me sentido assim! É tão bom falar com Deus.
DEUS: Ainda não terminamos a oração. Prossiga…
VOCÊ: 'E não deixeis cair em tentação, mas livrai-nos do mal…'
DEUS: Ótimo, vou fazer justamente isso, mas não se ponha em situações onde possa ser tentado.
VOCÊ: O que quer dizer com isso?
DEUS: Deixe de andar na companhia de pessoas que o levam a participar de coisas sujas, intrigas, fofocas. Abandone a maldade, o ódio. Isso tudo vai levá-lo para o caminho errado. Não use tudo isso como saída de emergência!
VOCÊ: Não estou entendendo!
DEUS: Claro que entende! Você já fez isso comigo várias vezes. Entra no erro, depois corre a me pedir socorro.
VOCÊ: Estou com muita vergonha, Perdoe-me Senhor!
DEUS: Claro que perdôo! Sempre perdôo a quem está disposto a perdoar também, mas não esqueça, quando me chamar, lembre-se de nossa conversa, medite cada palavra que fala! Termine sua oração.
VOCÊ: Terminar? Ah, sim, 'AMÉM!'
DEUS: O que quer dizer AMÉM?
VOCÊ: Não sei. É o final da oração.
DEUS: Você só deve dizer AMÉM quando aceita dizer tudo o que eu quero, quando concorda com minha vontade, quando segue os meus mandamentos, porque AMÉM! quer dizer, ASSIM SEJA, concordo com tudo que rezei.
VOCÊ: Senhor, obrigado por ensinar-me esta oração e agora obrigado por fazer-me entendê-la.
DEUS: Eu amo cada um dos meus filhos, amo mais ainda aqueles que querem sair do erro, aqueles que querem ser livres do pecado. Abençôo-te e fica com minha paz!
VOCÊ: Obrigado Senhor! Estou muito feliz em saber que és meu amigo.

terça-feira, 17 de agosto de 2010

Quaresma de São Miguel Arcanjo

Início da Quaresma: 15 de agosto a 29 de setembro (Festa de São Miguel).
No dia 20 de setembro pode-se iniciara novena em honra à São Miguel Arcanjo juntamente com as outras orações.

Todos os dias da quaresma de São Miguel:

Acender uma vela benta;
Oferecer uma penitência;
Fazer o sinal da cruz.
Rezar a oração inicial;
Rezar a ladainha de São Miguel

Oração Inicial:

São Miguel Arcanjo, defendei-nos no combate, sede nosso refúgio contra a maldade e as ciladas do demônio! Ordene-lhe Deus, instantemente o pedimos; e vós Príncipe da Milícia Celeste, pela virtude Divina, precipitai ao inferno a satanás e a todos os espíritos malignos, que andam pelo mundo para perder as almas. Amém

Sacratíssimo Coração de Jesus! Tende Piedade de nós. (repetir 3 vezes)

Ladainha de São Miguel

Senhor, tende piedade de nós
Jesus Cristo, tende piedade de nós
Senhor, tende piedade de nós
Jesus Cristo, ouvi-nos
Jesus Cristo, atendei-nos
Pai Celeste que sois Deus, tende piedade de nós.
Filho Redentor do mundo que sois Deus, tende piedade de nós.
Espírito Santo que sois Deus, tende piedade de nós.
Santíssima Trindade que sois um só Deus, tende piedade de nós.
Santa Maria, Rainha dos Anjos, rogai por nós.
São Miguel, rogai por nós,
São Miguel, cheio de graça de Deus, rogai por nós.
São Miguel, perfeito adorador do Verbo Divino, rogai por nós.
São Miguel, coroado de honra e de glória, rogai por nós.
São Miguel, poderosíssimo Príncipe dos exércitos do Senhor, rogai por nós.
São Miguel, porta e estandarte da Santíssima Trindade, rogai por nós.
São Miguel, guardião do Paraíso, rogai por nós.
São Miguel, guia e consolador do povo Israelita, rogai por nós.
São Miguel, esplendor e fortaleza da Igreja militante, rogai por nós.
São Miguel, honra e alegria da Igreja triunfante, rogai por nós.
São Miguel, luz dos Anjos, rogai por nós.
São Miguel, baluarte da verdadeira fé, rogai por nós.
São Miguel, força daqueles que combatem pelo estandarte da Cruz, rogai por nós.
São Miguel, luz e confiança das almas no último momento da vida, rogai por nós.
São Miguel, socorro muito certo, rogai por nós.
São Miguel, nosso auxílio em todas as adversidades, rogai por nós.
São Miguel, mensageiro da sentença eterna, rogai por nós.
São Miguel, consolador das almas do Purgatório, Vós a quem o Senhor incumbiu de receber as almas depois da morte.
São Miguel, nosso Príncipe, rogai por nós.
São Miguel, nosso Advogado, rogai por nós.
Cordeiro de Deus que tirais o pecado do Mundo, perdoai-nos Senhor
Cordeiro de Deus que tirais o pecado do Mundo, ouvi-nos Senhor
Cordeiro de Deus que tirais o pecado do Mundo, tende piedade de nós, Senhor
Jesus Cristo ouvi-nos.
Jesus Cristo atendei-nos.
Rogai por nós glorioso São Miguel, Príncipe da Igreja de Jesus Cristo.
Para que sejamos dignos das Suas promessas.Amém